Junior Baiano e Wellinton, comparados por Luxemburgo, têm algo em comum - mas são bem diferentes

O que dizer da tentativa do treinador de limpar um pouco a barra de seu zagueiro titular?


* * * * * * * * * *

Depois da incrível expulsão de Wellinton no clássico de domingo, Luxemburgo comparou ontem no programa Bem, amigos, do Sportv, o seu zagueiro a Júnior Baiano. Segundo ele, a torcida "cismou" com os dois, prejudicando a chance de se firmarem.

Realmente, a torcida do Flamengo era insegura com Júnior Baiano em seu início de carreira como é hoje com Wellinton. Tem razão agora, tinha razão na época. Com Baiano em campo, havia sempre a chance do jogo ser entregue em um lance aparente simples a qualquer momento, como há hoje com Wellinton. Mas a razão dos riscos com um e outro são bem diferentes.

Júnior Baiano sempre foi um jogador realmente habilidoso. Seu problema era de cabeça: do  nada, podia dar a louca e ele dar um soco num adversário, perder a bola tentando um lençol desnecessário dentro da área ou dar uma voadora sem sentido em alguém no meio do campo. Quando estava tranquilo, era muito bom jogador. O problema é que era difícil prever quando viria o próximo surto. E eles não tinham nada a ver com pressão da torcida.

O caso de Wellinton é bem diferente. Ele até tem suas qualidades - tem bom físico, é rápido, não é ruim no combate direto e, de modo geral, sabe de suas limitações e joga sério, distribuindo chutões pra frente para não se complicar. O problema é que ele é muito, muito, muito sem jeito com a bola nos pés. E é perigoso ter alguém tão grosso assiim em campo. No domingo, a expulsão veio quando ele tentou dar um passe simples, mas que pra ele é mesmo um tanto mais difícil. Mas mesmo tentando dar bico pra frente acontece dele se enrolar - teve gol contra no Estadual acontecendo assim. Talvez até isso possa acontecer mais se ele se sentir pressionado pela torcida, mas no domingo não tinha nada disso - ninguém estava vaiando, ninguém estava xingando, ele se enrolou sozinho mesmo. E é isso, o cara é grosso, vai ser sempre grosso. A "boa técnica" de que Luxemburgo falou na entrevista, ao menos quando tem a bola, não existe.

:: Sportv.com: Luxemburgo compara Welinton a Júnior Baiano: 'Cismaram com ele'

9 comentários:

André disse...

Concordo 100% e continuo com a minha campanha:

FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!
FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!FORA WELLINTON!!!

obs: segue matéria sobre uma discussão "acalorada" que tivemos na minha última visita ao RJ.

www1.folha.uol.com.br/esporte/957386-preocupada-transpetro-cerca-area-dos-dutos-do-itaquerao.shtml

Eduardo H. Costa disse...

Putz... que papinho mole hein Luxembrugo.

Gostaria de lembrar um fator que transformou o Jr Baiano em um zagueiro de qualidade por alguns anos: Telê Santana.

O Jr. Baiano chegou no SPFC e o Telê simplesmente falou pra ele largar de ser muleque e ADESTROU o cara em como agir nas 3 ou 4 situações que um zagueiro enfrenta durante uma partida de futebol.

Simples assim.

André Monnerat disse...

Sendo que, depois da época do Telê, o Júnior Baiano seguiu alternando grandes momentos com presepadas inacreditáveis. Dá pra montar uma coletânea de lances incríveis dele na Alemanha, no Flamengo, no Vasco... Até no showbol ele andou entrando a aprontando numa final contra o Corinthians, tem pouco tempo.

Como disse o Luxemburgo, ele jogou Copa do Mundo. E fez um pênalti bizarro na Copa do Mundo... A gente nunca sabia o que esperar dele.

André Monnerat disse...

Juninho, sobre a discussão, eu não tenho nem como discordar de você, sou muito leigo nesses assuntos. Sò o que eu disse é que essa parada não era algo que ninguém sabia, tinha saído na imprensa.

Tem essa matéria da Folha também, mais recente, dizendo que isso vai se resolver em setembro: http://www1.folha.uol.com.br/esporte/965076-dutos-do-itaquerao-serao-retirados-em-setembro-diz-empresa.shtml

Pablo Alcântara disse...

O que eu acho mais incrível é como um jogador desses chega aos profissionais. Uma equipe como o Flamengo, que pode receber garotos do país inteiro, não consegue peneirar direito. Eu queria muito saber o que rola nessas peneiras. O Welinton é pior do que muito peladeiro por aí, com a bola nos pés.

vicente disse...

A parada é trabalhar o menino Frauches, que fez uma copinha muito boa e encostar esse Wellinton de vez

Eduardo H. Costa disse...

É verdade André. Tirando a época no SP, o Júnior Baiano sempre foi inconstante. A gente nunca sabia se ele ia ser expulso numa tesoura, voadora ou uppercut. Mas que ele ia ser expulso, ah a gente sabia... kkkkkk

Lembro de uma punição dele na Alemanha que ele agrediu um cara fora de lance sem o juiz perceber e foi punido em outro dia porque foi registrado pela transmissão do jogo. Coisa que aqui nunca acontecia.

André Monnerat disse...

Eduardo, esse lance que deu na suspensão dele na Alemanha é inacreditável. Já procurei muito o vídeo disso no YouTube, mas nunca encontrei.

fora Luxemburgo! disse...

fora wellinton!
e fora luxemburgo esse covarde e retranqueiro q tem medo de ganhar
em vez de por o time pra frente só pensa em se defender!
deixa de por Jael para por negeba para ficar rebolando com abola!
sendo q ocara nunca faz um gol se quer.a torcida fala do deived mais pior é tiago nevis q nã esta jogando na e ele nã tira do time fora luxa seu burro,covarde!