Costa do Marfim é o time que menos chutou a gol na Copa do Mundo

Costa do Marfim vai jogar contra o Brasil pela chance de, talvez, ser a única equipe africana a passar de fase. Camarões já está fora, as situações de Argélia e África do Sul são mais do que complicadas e mesmo Gana, que no momento é líder de seu grupo, pode ficar de fora se perder para a Alemanha e a Sérvia vencer a Austrália - são os resultados mais prováveis.

Não creio que os africanos joguem numa retranca tão inescrupulosa quanto a coreana. Mas, em relação ao primeiro adversário do Brasil, sua defesa - que foi elogiada contra Portugal - têm ao menos uma grande vantagem: o porte físico. Não dá nem pra comparar com os franzinos coreanos. E na frente, por mais que Rooney Asiático tenha tudo pra se tornar um dos grandes popstars mundiais nos próximos anos, Drogba impõe mais respeito.

Mas a verdade é que, apesar da opinião geral de que não foram mal contra Portugal, seus números não são de assustar. Vejam as estatísticas oficiais da Fifa:

- Foi a equipe que menos chutou a gol na Copa: apenas 5 vezes, sendo 4 pra fora. E apenas um destes chutes foi de dentro da área. A presença de Drogba, se jogar mesmo bastante tempo, pode melhorar este desempenho.

- Fizeram 18 faltas, um número alto - a a maior média da Copa é a da França, com 21,5. Destas 18, 5 foram em Cristiano Ronaldo. Quem carregar a bola contra eles vai sofrer.

- Eles têm mesmo que apelar pra faltas, pois desarmam pouco: foram apenas 5, um dos piores na Copa. O Brasil teve 7 contra a Coreia do Norte, mas teve que se preocupar muito menos com isso por ter tido toda a posse de bola.

- Já os marfinenses tiveram 49% de posse de bola contra os portugueses. E atacaram com equilíbrio pelo centro, direita e esquerda.

- Tentaram 16 jogadas individuais. Segundo os números da Fifa, o Brasil tentou 40 contra a Coreia do Norte.

- Seu índice de acerto de passes é alto: 76,5%. Parte da explicação: eles preferem sempre passes curtos e médios aos lançamentos. É uma das equipes que menos tentou lançar em toda a Copa. E, nos passes curtos, é o time que mais acertou (86%). Espera-se que joguem nos contra-ataques contra o Brasil, mas estes números não indicam muito isso.

3 comentários:

Max Amaral. disse...

acho que a Nova Zelândia tirou esse "título" de times menos ofensivo da Costa do Marfim, hoje...

André Monnerat disse...

Max, realmente a Nova Zelândia chutou apenas 3 bolas a gol hoje.

André disse...

O jogo confirmou as estatísticas e ainda se intensificaram. Time violento e sem objetividade nenhuma. Deve ser eliminado na 1a fase como todos os africanos que estão jogando como europeus. Impressionante como o fato de saírem muito cedo(ainda mais cedo que os brasileiros) para a Europa para construirem carreira profissional (nada de errado com isso) fez com que as seleções africanas perdessem aquela característica de ofensividade e dribles de uns 10 a 15 anos atrás.

Todos os times africanos são horrorosos, aliás esta copa está com um nível técnico muito ruim. Por isto que começo a pensar que o Brasil pode ser campeão com a pior seleção desde 1994.

Considero adversários do Brasil apenas Alemanha, Argentina e talvez a Holanda .