Outros jogos que interessam hoje à noite

Cruzeiro x Estudiantes
Este é, é claro, o jogo da noite - embora eu vá trocá-lo pelo Flamengo x Palmeiras mesmo. Mas é final de Libertadores, e final de Libertadores é final de Libertadores.

Quem visita o blog desde o início do Brasileiro sabe que eu palpitei o Cruzeiro como time que eu cravaria campeão brasileiro deste ano (se fosse obrigado a bancar a Mãe Dinah, porque este tipo de previsão é complicada - ainda mais antes da janela europeia). É isso: gosto do Cruzeiro jogar, percebo que há uma base mantida do ano passado que se reforçou com a chegada de Kléber, talvez o atacante mais chato do Brasil. Gosto muito ainda de Wagner, um jogador de tipo cada vez mais raro por aqui. Ramires tá pra sair e isso dá uma enfraquecida razoável, mas hoje ele ainda está em campo.

Sendo sincero: não conheço bem o Estudiantes pra falar aqui das chances deles de vencer no Mineirão. Mas devo dizer que, em princípio, não vejo o Cruzeiro com uma vantagem tão grande quanto alguns deram a entender por aí. É bom lembrar: o 0x0 não é de ninguém, leva a decisão pros pênaltis. Li outro dia uma estatística que mostra que os argentinos ganharam muito mais do que perderam dos brasileiros em decisões de Libertadores - e que em apenas uma dessas conquistas, o jogo decisivo foi por lá. Os argentinos estão acostumados a não verem jogos no Brasil como bicho de sete cabeças (ano passado, aliás, o Boca passeou no Mineirão no jogo em que eliminou o Cruzeiro da Libertadores), e este também é o jogo da vida deles.

Enfim: acredito que vá dar Cruzeiro (o que seria ótimo pra quem pensa em conquistar uma vaga pra Libertadores do ano que vem no Brasileiro). Mas não acho que seja essa molezinha toda não.


Inter x Fluminense
Em um time, um técnico faz mudanças pra tentar não cair. No outro, as alterações já são porque alguém novo entrou. É um jogo entre o vice-líder do campeonato e um rival carioca que está na zona do rebaixamento.

No Inter, é difícil que Tite caia agora, já que não saiu depois da última derrota. Afinal, o próximo jogo é um Gre-Nal, não dá pra imaginar a diretoria colocando um interino para o clássico - a não ser que aconteça um improvável desastre no Beira-Rio logo mais. Acho que hoje dá Inter, mas o técnico já sabe que sua situação não está segura - tanto que já começa a fazer mudanças antes difíceis de imaginar. Táison, por exemplo, até outro dia era a grande revelação do futebol brasileiro e, agora, deve perder a posição de titular para Alecsandro. Sorondo, zagueiro uruguaio que penava esquecido há meses por lá, pode estar ganhando posição de titular. Enfim: Tite já viu que algo tem que mudar no time. Mas não me parece que esteja apontando uma solução para o grande problema do time - a total dependência no ataque de seu trio ofensivo.

No Fluminense, o novo treinador, Vinícius Eutrópio, vai tentar uma solução curiosa pra melhorar a produção do time na frente: a improvisação de Ruy Cabeção como meia de criação. Difícil imaginar que dê certo. E, com a ideia, o fraquíssimo Mariano, péssimo na marcação, continuará sendo uma avenida na lateral direita. No fim, o Fluminense parece hoje sofrer do mesmo mal que o Inter - depende só do seu trio ofensivo, Conca, Fred e Leandro Amaral, para atacar. E sua defesa inspira menos confiança.

Embora, no duro, o problema maior do Fluminense, mesmo tendo um elenco desequilibrado, não está em seus jogadores - e sim na zona que impera por trás. O choque de ordem também é necessário por lá.


Coritiba x Grêmio
O interesse neste jogo é porque estou palpitando que o Grêmio vai continuar subindo na tabela pelas próximas rodadas e se colocar como candidato ao título. Nos últimos dois jogos, já fora da Libertadores, as vitórias foram muito convincentes, ao menos pelo placar. Gostaria de ver o time jogando, para confirmar ou não minha impressão.

O jogo é fora de casa, mas o adversário não é dos mais fortes. O Coritiba - esse mesmo que goleou o Flamengo outro dia... - é bem fraquinho, e hoje joga sem sua principal válvula de escape para sair jogando: o lateral Márcio Gabriel, suspenso. Se o Grêmio adiantar sua marcação, mesmo jogando no estádio do adversário, pode se impor.

O Grêmio também tem seus desfalques importantes - principalmente Souza, de quem não gosto muito, mas que tem uma função importante na armação do time. O ataque titular também vai estar fora, mas os reservas Jonas e Alex Mineiro têm lá seu status e fizeram um gol cada um no último jogo.

Enfim: o achômetro tá apontando vitória do Grêmio.

4 comentários:

Defensor do Tirano Alex disse...

Flavio Souza disse...
Meu reino por um blog ou forum decente para discutir sobre o Flamengo...Alguém conhece? A tal FlamengoNet é dominada por um cara totalmente autoritário que ainda tem a mania de desqualificar os incautos que fazem comentários no blog dele.

13 de Julho de 2009 19:23


Véio, só pq tomou um ban definitivo, tá chorando agora? Faz o seguinte: abra um blog pra vc. Daí vc coloca textos reverenciando o teu capitão, fotos e tals. Fala com o Monnerat que ele é bom de fazer essas paradas de design e tals.

Belo texto Monnerat, uma pena que até aqui no seu requintado blog alguns pela sacos venham chorar as magoas.

Tiago Cordeiro disse...

Pq vc não gosta do Souza? Eu acharia ótimo ter ele na nossa meia-direita :)

A grande dificuldade do Grêmio é a ausência de bons laterais. Ao menos, têm bons atacantes.

Flora disse...

Pois é, o Palmeiras é ruim e o Flamengo é pior.
Triste. O everton foi o melhorzinho. e só.

Flora disse...

Ah, e hj o cuca colocou os jogadores que eu colocaria.
Agora se foi no lugar das pessoas certas eu não sei. Eu teria tirando o zé roberto com certeza.