Que tal um meio-campo com Aírton, Willians, Maldonado e Renato?

Para a estreia na fase de grupos da Libertadores, Joel Santana já ensaia dar a sua cara ao Flamengo.


* * * * * * * * * *

Joel ainda faz mistério sobre a escalação do Flamengo para o jogo de hoje à noite, estreia na fase de grupo da Libertadores. Porém, pelo que treinou, já sabemos que Luiz Antônio dará lugar a Maldonado - e já dá pra imaginar todas as justificativas sobre a experiência do chileno para um jogo deste tipo. A dúvida, parece, está entre Bottinelli e Aírton. Se escolher a segunda hipótese, teremos um incrível meio-campo com Aírton, Maldonado, Willians e Renato. Que tal?

Só não dá pra dizer que foi surpresa. Joel Santana, como Adriano, vem com o pacote completo. É gente boa, é boleiro, "melhora o clima" - e enche o time de volantes. Com Bottinelli (acho que vai ser ele o escolhido) ou Aírton, já tenho a impressão de que começaremos a ver hoje em campo seu tradicional esquema com o volante-zagueiro que em breve, creio, ele começará a usar mesmo com todos os titulares à disposição, Vagner Love incluído.

Eu escrevi que, com dor no coração, acreditava que Joel era a melhor opção mesmo para o Flamengo conseguir os resultados que deseja. Mas as ideias dele sobre futebol são essas aí mesmo. Pode até acabar funcionando, mas é chato pra cacete.


* * * * * * * * * *

Em tese, o Lanús é o adversário mais difícil do grupo. Nunca vi jogar, mas leio que tem jogadores bons e experientes (alguns fora do jogo de hoje, como Camoranesi, veterano de Copas do Mundo pela seleção italiana) e um meia muito bom, Valeri, cérebro do time. No ano passado, somando Clausura e Apertura, foi o time que fez mais pontos nos campeonatos argentinos, apesar de não ter conquistado nenhum dos dois. Foi recentemente eliminado de forma vexatória por um time da terceira divisão na Copa da Argentina, mas em seguida goleou o San Lorenzo pelo campeonato argentino.

Olhando só o resultado, portanto, o empate hoje não é ruim.

Mas entrar pensando apenas nele é o primeiro passo pra se dar mal.

4 comentários:

lussiannosousa disse...

O bom é ver ele encher o time de volante, se irritar com repórter argentino e ficar esbravejando que "Flamengo é Flamengo" "vencer, vencer, vencer" e bláblablás... Que situação!!

André disse...

Com este meio campo a derrota é uma certeza !!!

Luiz Filho disse...

Só falta ele tirar o Deivid e botar o Negueba. Aí F de vez!

Gabriel Folha disse...

Nenhum elogio que se pode fazer ao Joel Santana diz respeito a capacidade dele como técnico de futebol!!

É ridiculo ve-lo empregado, é mais ridiculo ve-lo empregado no maior time do Brasil.

Passa por ai a enorme decadência do nosso futebol: levar a sério uma figura como ele.