Brasileiro 2011 - 6a. rodada - Flamengo 0 x 0 Botafogo

A expulsão de Bottinelli vai servir de desculpa, as especulações sobre Kléber ajudam na cortina de fumaça, mas não deve se esconder o óbvio: o time voltou a jogar mal e a situação está chegando a um ponto complicado.




* * * * * * * * * *

Um empate em um clássico em que se jogou com um a menos desde a metade do primeiro tempo não pode ser considerado um mau resultado, certo? Aquele cartão vermelho mudou o jogo, não dá pra criticar uma equipe que joga nestas circunstâncias.

É óbvio que será este o discurso de todos no Flamengo depois deste 0x0 com o Botafogo. A expulsão de Bottinelli vai acabar servindo de álibi para mais uma atuação ruim do time, que já estava muito mal mesmo antes da saída do argentino.

Luxemburgo escalou Diego Maurício, mas o colocou pra jogar como segundo atacante, caindo pelas pontas. O centro-avante do time foi Ronaldinho Gaúcho, uma opção que não faz sentido nenhum. Luxemburgo tenta inventar pra ele uma posição em que nunca atuou na vida. Aliás, o mesmo acontece com Renato, que hoje é o primeiro volante - enquanto ele fica atrás, só na marcação, Willians tem liberdade para ir ao ataque e é o meio-campista que mais se apresenta para o jogo. É óbvio que um time em que Willians é o jogador que mais arrisca na tentativa de criar algo na frente não pode funcionar.

Para o segundo tempo, Luxemburgo tirou Diego Maurício - que, mesmo sem jogar bem, era o único dos jogadores de frente que se mexia e parecia a fim de jogo. O resultado, mais do que previsível, é que o jogo se transformou em um ataque-contra-defesa. O Flamengo deu sorte que o Botafogo - que foi melhor enquanto o jogo era de 11 contra 11, embora sofresse com Herrera como único atacante - não soube lidar com a situação de jogar com a obrigação de vencer. Até porque Caio Júnior foi muito medroso: sua mediocridade nas substituições foi impressionante, incapaz de buscar uma opção mais ofensiva para aproveitar a superioridade numérica.

E no final o Flamengo até teve a chance de conseguir uma vitória improvável nos contra-ataques, mas acabou errando na hora das conclusões - inclusive com uma bizarra tentativa de Willians de calcanhar, quando entrou sozinho contra o goleiro Jefferson. Não teria sido mesmo justo.


* * * * * * * * * *

Não acho explicação razoável para a substituição de Thiago Neves e Ronaldinho, juntos, aos 42 do segundo tempo. Pareceu algo de propósito para expor os dois astros da companhia a vaias da torcida - o que acabou acontecendo só pro lado de Ronaldinho, pois Thiago teve seu nome gritado. Na verdade, difícil dizer o quanto das vaias ali não foram também para o treinador.

A situação é complicada. Há erros de Luxemburgo, claro, mas os jogadores também mostram uma postura muito passiva em campo. Tirando pouquíssimas exceções como a de Willians e mais um ou dois, os outros não se mexem, não buscam jogo, não arriscam nada. E Ronaldinho Gaúcho é um símbolo disso: a posição em que Luxemburgo o colocou não ajuda, mas também não justifica o tipo de atuação que ele está tendo. A paciência do torcedor está sendo muito, muito testada.

O Flamengo fez apostas muito altas tanto em Ronaldinho quanto em Luxemburgo. Hoje, a lógica do futebol do clube funciona completamente em torno dos dois. As consequências de um fracasso de ambos podem ser enormes, mas a situação está caminhando pra isso. Uma reviravolta precisa acontecer, de um jeito ou de outro.


* * * * * * * * * *

Pra não deixar de registrar minha opinião sobre a decisão polêmica do árbitro: foi incomum, foi rigorosa, mas não foi nenhum absurdo. O primeiro amarelo de Bottinelli foi justo e ele realmente se jogou na área no lance que gerou o cartão vermelho. E o Flamengo na verdade, especialmente no primeiro tempo, abusou demais das faltas - o que poderia ter levado até mais jogadores a ficarem pendurados com cartão, com risco de serem expulsos por algo besta como acabou acontecendo.

19/6/2011 - 16h - Flamengo 0 x 0 Botafogo
Engenhão - Rio de Janeiro, RJ
Renda/Público: R$ 441.925,00 - 20.429 (15.832 pagantes)

Árbitro: Felipe Gomes da Silva (RJ)
Auxiliares: Edney Guerreiro Mascarenhas (RJ) e Rodrigo Henrique Correa (RJ)
Cartões amarelos: Bottinelli, Willians e Ronaldinho Gaúcho (FLA); Everton, Lucas Zen e Bruno (BOT)
Cartões vermelhos: Bottinelli (FLA), aos 23'1T

Flamengo: Felipe, Léo Moura, Welinton, David Braz e Junior César; Willians, Renato, Thiago Neves Negueba, aos 42'2T) e Bottinelli; Ronaldinho Gaúcho (Wanderley, aos 42'2T) e Diego Maurício (Luiz Antônio, intervalo). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Botafogo: Jefferson, Alessandro, Antônio Carlos, Fábio Ferreira e Cortês; Marcelo Mattos, Lucas Zen (Bruno, intervalo e depois Lucas, aos 21'2T), Maicosuel, Elkeson (Alex, intervalo) e Everton; Herrera. Técnico: Caio Junior.

12 comentários:

André disse...

Hoje vou concordar com 100% da sua opinião do jogo e da situação do time.

É patético escalar o RG de centroavante e o Diego Maurício de segundo atacante.

Aproveito para questionar sobre as atuações do Thiago Neves. Apesar de correr muito, ajudar na composição do meio campo e tal, tecnicamente ele não vem bem faz tempo.

O que foi aquele chute BIZARRO que ele deu no segundo tmepo quando estava dentro da área. A bola saiu pela lateral e quase foi para trás!!! Um jogador contratado como "quase" craque tem que AO MENOS acertar no gol. Aliás o Thiago Neves acertar o gol é quase como nevar no RJ, uma vez a cada 200 anos.

A verdade é que o Luxemburgo quer achar um jeito do time jogar bem de qualquer maneira e ao invés de manter a escalação óbvia que vinha mantendo começa a tentar soluções mágicas e sem sentido, fruto de um técnico desesperado pela falta de resposta do time em campo.

RG tem que ser segundo atacante ou 4° do meio campo. Das opções que temos a melhor para centroavante é o D.Maurício. Pelas 2 atuações já me parece que o melhor para a lateral esquerda seria manter o Egídio. Aliás...o L. Moura está DESAPARECIDO!!!

O time caminha para a falência total e já enxergo troca de técnico em mais 4 ou 5 rodadas. Ficar posando de invicto só empatando não serve. O Flamengo precisa de mais e tem que querer mais. Não sei que tipo de cobrança existe da diretoria para com o técnico mas tem que existir.

lussiannosousa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lussiannosousa disse...

Tá complicado pra Patrícia. O que vi foi os jogadores andando em campo. Se for boicote ao treinador tamo fuu, pq acho q a pat não demite ele. Como vc falou, ele não demitiria só o técnico, ela demitiria o diretor de futebol. E quem no mercado são bons nomes pras 2 funções? Não vejo ng.

Ad@1LtoN disse...

O Flamengo não pode demitir o Luxa.
Pq a Patricia não se cercou de pessoas interessadas em ganhar, e sim interessadas no poder dentro do Flamengo. Eu digo que o dpt de futebol do Fla só anda por causa do Luxa, que apesar de tudo ainda entende um pouco da coisa, bem mais do que o restante.
Só que ele vai acabar afundando o time junto com o desinteresse dos jogadores. Só que não tem como demitir 5 jogadores que estão jogando abaixo da média.
Parabens pra patricia por armar uma arapuca pra si mesma.

Valente Filho disse...

Vou escrever em tópicos:
Luxa escalou o time previsivelmente e posicionou mal. Coloca o Diego Maurício (depois do clamor da massa) pelos lados e o Ronaldinho escondido entre os zagueiros. O time fica com menos um e ele tira o DM. É brincadeira!
Luxa virou realmente um técnico mediano. Sismou que o Flamengo é Barcelona e o R10 é o Messi. Só que ele esqueceu que não temos Xavi, Iniesta e Villa. Se fosse o Luxa dos anos 90 entraria sem o argentino, coisa que esboçou nos treinos da semana, e com Deivid e DM. Perdeu os Culhões!
Como ele mesmo mencionou esta semana, Léo Moura iria para o meio. No momento não tem mais velocidade para ir e voltar porque ainda está mal fisicamente. Faria o losango com Luiz Antônio, Renato, Léo Moura e Thiago Neves com Ronaldinho e Diego Maurício abertos no ataque. Ele não tem culhões para isso!
Começo a achar que o time joga mal e não é por culpa dos atacantes ou zagueiros, sim por falta de treinos decentes e posicionamento em bolas paradas e nos lances de jogo (tanto ataque quanto defesa). Não dá mais para o Luxa, minha paciência acabou!
Acho que o Ney Franco vai balançar o mercado de técnicos depois do mundial sub-20. No Flamengo ou em outro clube grande. Muita gente vai cair!
Cuca deve ir par o Inter. Renato dependendo da situação não ficaria no Grêmio. Acho uma boa aposta. Monta bem seus times e sempre joga para frente sem desorganizar suas equipes. Outra excelente seria o Dorival Jr. Que não deve resistir ao Galo também. Veremos! Não sendo Carpeggianni, Cuca, Geninho, Felipão, Falcão, Murici ou Joel não sobram boas opções para treinar o Flamengo, esses eu não gosto.
Fica claro que o Rio de Janeiro deixou de formar bons técnicos. Não vejo nenhum nome bom formado aqui nos ultimos anos. O único nome que me vem a cabeça é mesmo o Renato.
Estou revoltado com o Flamengo hoje pela falta de organização e postura do corpo técnico do clube Luxa e diretoria! Cansei!
Uma vez Flamengo, sempre Flamengo!

Eduardo H. Costa disse...

Haja dinheiro... é zagueiro, é atacante, é técnico... putz...

Acho que o Dorival ia bem. O cara tem humildade. Coisa que o Luxa nunca teve.

Eduardo disse...

André,

Eu estou achando que começou aquele negócio do grupo não estar mais "fechando" com o Luxa. O cara gosta de treinar, disciplinador e no Flamengo isso infelizmente não dá certo. Mas que o time não roda isso é verdade tb. O meu medo, é quem contratar. Pelo menos o Joel já foi para o Cruzeiro.
Outra, qualquer cara solteiro e com o dinheiro que o R10 tem deve sair se divertir e tal. O problema é que o corpo dele já não da conta das duas coisas. E a torcida não quer saber, ainda mais a nossa. As olheiras dele em Curitiba foram constrangedoras. O cara sai demais, não dorme, tem mais de 30 e corpo da sua resposta. Isso é nítido.
No Flamengo as coisas nunca estão tranquilas, impressionante.

Fernando Almenara disse...

Com relação ao Willians e o Renato, acho que deve ser assim mesmo. O Renato não iria aguentar avançar e voltar marcando o jogo todo...

Esse negócio de Ronaldinho jogar de primeiro atacante não existe!!

Abraços!

Gabriel Folha disse...

Se insistir no erro é burrice, faço votos que a torcida passe a fazer logo seu papel nos jogos.

Impressionante a insistência de 6 meses num sistema de jogo que, simplesmente, não funciona!

Ainda que a atuação individual tenha peso, a absoluta falta de capacidade coletiva prejudica todos os jogadores do time.

Ta tudo MUITO ruim mesmo!!!

saulo disse...

Eu discordo de algumas coisas.
1- Já algum tempo eu venho observando que o "horroroso" R10 todo jogo tem jogado contra 2 marcadores individuais. Será coincidência os espaços que o Thiago tem encontrado? Além disso, vem jogando no ataque, não sendo incomum vê-lo migrando pra posição de centro avante como ocorreu ontem. Mesmo assim TODO jogo, ele bota pelo menos 2 vezes um companheiro na cara do gol. Fico imaginando se as críticas ao Gaúcho seriam tão contundentes se os atacantes que chegam pra finalizar fossem minimamente competentes. Ontem depois da expulsão do Botinelli, Houveram momentos do jogo que o cara tinha que brigar contra 3 defensores sozinho. Muitas dessas vezes no alto. Aí, só tendo o físico do Adriano.
2- O Juiz foi sofrível. Também achei que não foi penalti, mas expulsar naquele lance foi sacanagem. o Botinelli adianta demais a bola, se enrola todo e cai. Ele faz isso umas 500 vezes no jogo. Não foi simulação, foi ruindade. O mau caráter do Juíz expulsou pra aparecer. Além disso ainda no primeiro tempo, o Leo Moura corre feito um louco, sozinho em direção a área apostando corrida com os zagueiros do Botafogo, numa situação que todo mundo sabia no que ia dar. Primeiro pé dentro da área o Léo se taca vergonhosamente no chão. Muito mais acintoso que o argentino. O juiz não faz nada. numa jogada uns cinco minutos depois da expulsão, o mascarado do Maicossuel, reclamando de uma falta não marcada com o bandeira, deu soco no ar, xingou, gritou na cara do bandeira. O Pamonha do juiz viu tudo e não fez nada. Segundo tempo: Junior Cesar recupera uma bola e sai jogando. Pra parar o contra ataque do Flamengo o jogador do Botafogo puxa a camisa dele por trás. Qualquer recém inscrito numa escolinha fraldinha, sabe que puxar a camisa, não tem discussão, é passível de cartão. O nosso juizinho de ontem não sabe. Pois ele deu a falta e virou como se nada tivesse acontecido.
3- No que eu mais discordo de você. Dizer que o Diego se movimentou e queria jogo. Cara, ele corria pra não chegar na bola, estava disperso, errando jogadas bobas e tentando partir pra cima pra resolver sozinho... teve um lance ridículo, que ele deveria proteger uma bola que estava indo pra linha de fundo, escanteio nosso, e ele, numa displicência absurda, simplesmente sai da bola. Jogador de 2 tempo.
4- Wellinton realmente não dá.. ele tem dificuldade de acertar passe de 6 metros, matou um contra ataque nosso bisonhamente ontem. Uma negação.
5- Comentar especulação é complicado, mas Kleber cairia MUITO bem nesse time.

Luis disse...

É difícil saber quem está pior: Ronaldinho ou Luxa?

Rafael disse...

cansadinho gaúcho é a cara de vocês! Chupa minha piroca, time de merda que só ganha carioca! Vaaaaaascoooooooo Campeão da Copa do Brasil! Chupaaaaaaa seus mané!!!