O dinheiro está prestes a chegar

A expectativa é que a assinatura do contrato com a Globo desemperre um monte de coisas no Flamengo: pagamentos de atrasados, CT, contratações, patrocínio... A conta fecha?

* * * * * * * * * *

Hoje à noite deve acontecer um momento realmente aguardado por muita gente na Gávea: a aprovação do novo contrato com a Globo. Com isso, já vão pingar nos cofres do clube R$44 milhões de adiantamento. E fica a pergunta: como vão usar este dinheiro?

Como vocês devem saber, o Flamengo tem muitas, muitas dívidas de curto prazo - segundo o balanço de 2010, R$224 milhões. Tem também pagamentos atrasados aos jogadores - prêmios, luvas, direitos de imagem. Há os impostos atrasados, que impedem que o clube tire suas certidões negativas. Há o projeto do CT. E há as contratações que todos esperam - Patrícia Amorim falou empolgada hoje mais cedo em Vagner Love, Juan e André, sem contar tudo o que falam sobre Aírton. Com o anúncio da antecipação da janela de transferências pela CBF, a expectativa é que os negócios todos andem mais rápido. 

No meio disso tudo, o cara que aparece falando de maneira mais sensata é, vejam vocês, Capitão Léo. Segundo ele, um acordo foi feito entre os poderes do clube para que "apenas" R$10 milhões sejam gastos em contratações. R$8 milhões vão para o CT (ainda devo meu post sobre a prestação de contas, aliás...), R$15 milhões para impostos atrasados, mais uma porção pra outras dívidas. Parece uma tentativa de colocar os pés no chão e, como a mamãe ensinava, não gastar tudo em doce. Só é bom lembrar que os tais R$15 milhões não resolvem a "questão tributária": são R$52 milhões de impostos atrasados não incluídos na Timemania, sendo R$18 milhões só referentes ao ano passado. A verdade é que este dinheiro parece muito, mas não dá pra tudo o que querem fazer com ele. A conta não fecha.

Mas há ainda a expectativa de que a assinatura com a Globo apresse o surgimento de novos patrocinadores no uniforme. Dizem que as empresas interessadas estariam para assinar acordos até o fim de 2012 - o que com certeza daria uma tranquilidade a mais para o planejamento do clube, especialmente se os valores forem realmente bons - e, por isso, queriam ter certeza antes de que suas marcas serão expostas no ano que vem na emissora de maior audiência do país. Patrícia diz que não pretende aceitar mais marcas tão grandes (e azuis...) quanto a da Batavo no ano passado; mas, a esta altura, já admite que a ideia é baixar o valor do patrocínio master e colocar uma marca a mais na barra da camisa, o tipo de coisa que vai ter conselheiro torcendo o nariz para aprovar.

Mas a verdade é que, sempre que este tipo de coisa vai para o Conselho Deliberativo, o argumento de que "o clube tem que assinar este contrato agora para sobreviver" sempre acaba prevalecendo. Só devemos lembrar que, a partir de 2012, o Flamengo deve receber mais de R$90 milhões por ano só da Globo, o dobro do que recebeu ano passado. Esta gestão está trabalhando em diversos legados importantes para o futuro do clube, com o CT e até mesmo um bom uso para o Morro da Viúva, um patrimônio importante e pessimamente utilizado até hoje. Poderia trabalhar em mais este, talvez o mais importante de todos: entregar ao fim do mandato um clube realmente equacionado financeiramente. Em 2010, como vimos no balanço, não pareceram muito preocupados com isso. Mas a oportunidade está aí.

3 comentários:

Bosco Ferreira disse...

O Fla ganha o título em campo, a CBF sequestra o título e dá para o Ixport que nem jogou a final, aliás, era um clube de série B na época. Depois a CBF dá troféu para o São Paulo como forma de chantagiar o Fla. Em seguida fazem uma proposta indecente de repartir a nossa conquista gloriosa, a Paty se dobra a essa farsa de co-campeão inventada pela CBF. Como co-campeão e não campeão? Só que a taça, a CBF já tinha dado aos bambis e o título ao Sport. O Título é nosso porque ganhamos em campo Paty. Você se vendeu de graça. Não foi a sua administração, foi o Zico e Cia que venceu em campo.

Roberto disse...

E ainda teve essa notícia hoje...

http://www.lancenet.com.br/flamengo/Fla-firmar-parceria-Comite-Americano_0_490151178.html

Flora disse...

Com certeza não dá pra pagar tudo, mas tem que se começar a pagar a conta em algum momento né?
Não tem mesmo como pagar tudo de uma vez. Isso é sonho.
Enfim, esse dinheiro é um começo.
Espero que com uma grande parte do dinheiro da negociação com dos prédios do morro da viúva tenha o mesmo destino.

ps: falaram no twitter que o CA pediu a diretoria do Bahia contratar o irmão. Isso sim seria um sonho né?