Brasileiro 2010 - 7a. rodada - Flamengo 1 x 2 Goiás

Um primeiro tempo horroroso. Meio segundo tempo em que parecia que viria uma vitória fácil. E uma metade final em que deram muito mole e conseguiram perder um jogo ganho. Este é o resumo do que se viu hoje no Maracanã. O time poderia ter encerrado esta primeira fase do Brasileiro em quarto - o que passaria uma imagem bem enganosa.

Os primeiros 45 minutos foram de chorar. Pra resumir: foram mais de 50 passes errados dos dois times, 3 chutes a gol sem perigo do Goiás e um só do Flamengo. E este do Flamengo foi de Bruno, cobrando uma falta que surgiu numa arrancada individual de Toró. Difícil que tenha havido algum jogo pior este ano.

O Flamengo jogou num 3-6-1, com dois volantes, Juan na ala esquerda e três meias tentando fazer a bola chegar a Bruno Mezenga. Sim, o time não teve ala ou lateral direito nesta etapa, já que Léo Moura jogou como mais um meia de criação - e foi o melhorzinho deles. O que não quer dizer muito, pois a atuação de Vinícius Pacheco e Michael foi simplesmente patética.

No intervalo, Rogério colocou Camacho para melhorar o passe no meio-campo - e conseguiu. O garoto entrou muito bem e criou diversos lances de perigo com seus passes. E, com ele em campo, Léo Moura voltou a jogar aberto pela direita, sendo mais perigoso. Até a metade desta etapa, o time adiantou a marcação, dominou a partida, fez 1x0 e perdeu várias outras chances - que fizeram falta depois. Poderiam ter matado o jogo com tranquilidade, mas...

A partir daí, Leão mexeu para colocar o Goiás mais à frente e o Flamengo abandonou a marcação no campo de ataque. Foi um erro grave: jogando só com um volante - já que Rogério colocou Camacho no lugar de Maldonado, mostrando mais uma vez sua implicância com o chileno -, a única maneira da marcação funcionar seria mesmo mais à frente.O time atraiu o Goiás para seu campo, marcou perto demais da própria área e perdeu toda a posse de bola.

Mesmo assim o jogo poderia ter terminado 1x0, já que o fraquíssimo time do Goiás mal conseguia chutar a gol. Porém, conseguiram o empate numa falta de longe. E, logo depois, veio a virada numa falha lamentável de Bruno, que se preocupou em fazer pose em uma defesa fácil e, em vez de colocar a bola pra fora num movimento simples, devolveu-a para a própria pequena área, permitindo que Otacílio Neto aproveitasse o rebote.

Agora, o campeonato para e o Flamengo terá muito tempo para se preparar para o resto da campanha. Fala-se em muitos reforços, e eles são necessários. Mas Zico poderia parar pra pensar um pouquinho melhor sobre essa decisão de manter Rogério como treinador simplesmente por querer "dar estabilidade" a quem está no cargo. Há a desculpa da sequência de desfalques, do momento complicado em que assumiu, da instabilidade do clube etc. etc. etc. - mas tudo isso me parece estar apenas mascarando o fato de que ele não está a altura de seu atual emprego.

14 comentários:

Dani Souto disse...

E não está a altura mesmo André. Infelizmente!

Bosco Ferreira disse...

Só que se for para tirar e colocar qualquer um prefiro ele.

Se ele sair tem que vir alguem de ponta.

Altuori, Felipão, ou no mínimo Abel Braga.

Bosco Ferreira disse...

FORA PATRÍCIA ONTEM!

Bosco Ferreira disse...

Quero o meu mengo de volta sua piscineira

Bosco Ferreira disse...

CONTRATAÇÃO DO RG? QUEM ACREDITA? SE NÃO CONTRATARAM NEM UM TREINADOR PARA A LA E PARA O BR, MAIOR CAMPEONATO DO MUNDO!!!

Todos os treinadores novatos já consertaram seus times: Leão já saiu da zona e entrou no G4, Muriçoca ajeitou a Flôr de laranjeira, O Mano redirecionou os Gambás.

Só os imcompetentes e os estagiários não conseguiram: CRF, SPFW, CRVG.

É... Parece que a torcida do Mengão começou a se conformar com o rebaixamento.

Ou então continua drogada com as notícias "contos de fadas" que nunca se concretizam. Soltas em sua maioria pela diretoria e informada com certa gozação pela imprensa arco-íris.

Cada vêz que a imprensa solta os factóides mentirosos da diretoria, perdemos tres pontos e um jogador de verdade. Chegar mesmo, nenhum.

Se chegar vão fazer o que? Lutar pela sulamericana? Com esse treinador de infantil seria um milagre conseguir pelo menos isso se contratarmos. Será que é isso que queremos?

Se ainda tivesse mais uma rodada, o Flamengo ficaria um timeco de Fernandos, Ramons e Michaels confortavelmente na última posição da zona de rebaixamento.

FORA PISCINEIROS JÁ!

André disse...

Estou abraçando a idéia "fora piscineiros"! A mulherzinha conseguiu no mesmo ano perder o carioca para o eterno vice botafogo e para outro eterno vice do basquete, o Brasília. Estamos presenciando uma administração histórica. Parece que estou vendo o que aconteceu com o Grêmio quando o Flávio Obino foi eleito, perdeu semi final de libertadores e rebaixamento no ano do centenário. Estamos no mesmo caminho. Fora piscineiros!

Joviano Caiado disse...

Diretoria mais lenta e sem agilidade eu nunca vi. Será que só chegarão reforços no final do recesso? tudo muito devagar... A diretoria precisa saber que quase 1/3 do campeonato já foi. O técnico precisa de reforços no reinício dos treinamentos.Nem mesmo renovação de contratos aconteceram. Paciência tem limite. A diretoria acabará jogando a torcida contra o Zico.
A diretoria precisa saber que no mundo do futebol não tem feriado e fim de semana. todo dia é dia útil para contratações. Ficam plantando notícias infundadas e megalomaníacas até sexta-feira. Sábado há um silêncio sepulcral. Segunda recomeçam os boatos. Tá feia a coisa!

Flávio disse...

Eu acho que tudo muda depois que o Zico assumir o cargo definitivamente.
A presidenta só fez merda até o anúncio do Zico. Agora é tudo diferente.
Foi uma virada na gestão dela. Fico pensando que ela é honesta. O Zico nunca aceitou trabalhar com esse bando de ladrões que tomam conta do Flamengo há 100 anos.
Então vamos pensar: por que aceitou agora?
Outras coisas que merecem uma reflexão:
Por que ela não cedeu à pressão de Kleber Leite, Márcio Braga e Ricardo Teixeira, que são conhecidos por suas "engenharias financeiras" e votou no KL para presidente do Clube dos Treze?
O time de basquete dessa temporada não foi montado por ela. Veio da gestão anterior. Perdemos o Baby e não contratamos nenhum outro pivô para o garrafão. E, mesmo assim, quase fomos campeões. Não fosse a arbitragem no terceiro jogo...
Nós sempre cobramos que o Flamengo além de ter um time competitivo, deve se preparar para o futuro: não atrasar salários, ter um CT, formar mais e melhores jogadores, não depender tanto de empresários etc.
Já que esses ladrões ficaram tantos anos roubando o Flamengo, não devemos dar um ano para ela?

Anônimo disse...

Realmente, o que a turma gosta mesmo é do estilo KL de contratar. Pra depois meter o cacete no clube, que nao consegue pagar os salários em dia. Paradoxal.

Ou melhor: irracional.

/Marco

Bosco Ferreira disse...

TREINADOR DO FLA;

Queremos alguem a altura da Nação.

Queremos um treinador vencedor. A Proposito: O Luxa já era. É um treinador comprovadamente superado.

Por que tem que ser um brasileiro?

Por que não pode ser aquele argentino da La U?

André disse...

Para os que achem que devemos ter paciência, cuidado para não termos paciência demais. A Patrícia deve ser honesta, ok. Mas o futebol não dá 1 ano para trabalhar. Não dá nem 1 mês. Ela é lenta demais! Ficou 1 mês sem diretoria de futebol!!! Esteamos há 3 meses com técnico interino. Só saem jogadores e ninguém assina. Só o vovô Pet renovou. Estou realmente apavorado.

Anônimo disse...

gostaria que algum confirmasse ou desmentisse:
é real que Zico foi contratado pela bagatela de 350 mil/mes?????

Folha disse...

Não da pra esperar nada além disso do Rogério. Compartilho da esperança de que passem a usar a estabilidade como sistema a partir da chegada de um treinador que conheça minimamente de futebol.

Impressiona ainda a implicância com a presidenta, memória muito curta mesmo!

Como sempre, muito medo da torcida!!

Vamos torcer pro Milan levar nosso goleiro, como eu disse, esse ano ele está deixando ainda mais fácil minha tarefa de mostrar que ele é fraco.

=Beto= disse...

Fora Rogério!
Fora Bruno!
só digo isso...