O América na série B do Estadual - na TV e no Maracanã

Noutro dia, comentei aqui da minha surpresa ao descobrir que a ESPN Brasil transmitira a estreia do América na Segundona do Campeonato Carioca. Pois não é que a coisa mudou de tamanho?

Primeiro, apareceu uma notícia de que a Federação teria proibido a transmissão do jogo pela ESPN Brasil. Aparentemente, a negociação teria sido diretamente entre a emissora e o América, quando a coisa teria que passar também pela Federação e pelos outros clubes.

Agora, com o jogo desaparecido mesmo da grade de programação da ESPN Brasil, surge a notícia de que o SporTV fechou contrato para transmitir não só esta estreia, mas oito jogos do América na primeira fase da competição. Este primeiro será no Giulite Coutinho, mas os seguintes serão todos preliminares para jogos dos grandes do Rio no Brasileiro - estão marcadas cinco partidas no Maracanã e uma no Engenhão, tendo ainda mais uma a definir. Apenas uma destas será em dia de jogo do Flamengo: a contra o Artsul, que vai ser preliminar do Flamengo x Atlético-MG do dia 30/7. Fica a curiosidade para saber como ficam os americanos que já tiverem comprado o pacote de ingressos para os jogos que seriam no Giulite Coutinho. Vão ter acesso liberado ao Maracanã e ao Engenhão?

Ontem, o América apresentou seus uniformes com quatro patrocinadores - Unimed, Penalty, Gatorade e Unidonto -, que estreiam hoje contra o Bonsucesso. O time promete correr atrás da vitória para poder dedicá-la a Romário.

7 comentários:

Max disse...

Quando vi seu primeiro post a respeito, pensei: pô, André viajando na maionese. Óbvio que isso aí é resultado do trabalho e visibilidade do Romario e não do fanatismo do Trajano.

Esse segundo post só confirma o fato. Parabéns ao baixinho e torçamos pro America crescer novamente.

Max Junqueira

André Monnerat disse...

Eu disse que isso tinha a ver com o fanatismo do Trajano - e tinha mesmo.

Quem negociou direto a compra dos direitos desse jogo foi o próprio Trajano, pessoalmente, que inclusive foi direto no América, fora do caminho correto. E o discurso dele agora é de que "conseguiu o que queria, que era colocar o América na TV, não importa qual" - falando como se o Sportv tivesse ido atrás do América por conta deles terem tido o interesse antes (o que até acho que não foi o caso, pelo que sei).

Mas é claro que o fato do Romário ter entrado no América e levado a Unimed junto tem muito a ver com isso.

IVAN disse...

Não foi bem assim. O Sportv só se interessou em transmitir agora, mais próximo do início da Série B. Antes não queri nem saber. Logicamente juntaram a fome a vontade de comer (Trajano + ESPN Br). Agora vem o Sportv + a FFERJ e levaram o pacotinho pronto.

Melhor para o América e para os outros times da 2ºdona.

O Trajano é tão fanático quanto vários repórteres que torcem por outros times do Rio. O Sangue também tem esse direito.

Na verdade o América é um atração por mais que não aceitem isso

André Monnerat disse...

Ivan, tenho a impressão de que o Trajano se dá mais o direito de expor esse seu fanatismo do que os outros - exatamente por ser América, que tem essa coisa de ser café-com-leite...

Max disse...

O que aconteceu foi a junção da fome com a vontade de comer. O fanatismo do Trajano existe mas é irrelevante perto da nova imagem do America.

Alias, o America estreiou goleando o Bom Sucesso que, veja só, jogou sem goleiro desde os 10 minutos simplesmente porque nao tinha goleiro reserva no banco, hehe.

André Monnerat disse...

O fanatismo dele não é irrelevante. O Trajano foi atrás porque é América - ponto. Claro que o fato do Romário estar lá ajuda ele a convencer os outros, mas até especial sobre os não sei quantos anos do América a ESPN Brasil já colocou no ar por causa dele (mostrando inclusive cenas dele mesmo torcendo na arquibancada num jogo pequeno qualquer...).

Ou seja: pra ESPN Brasil, o fato do Trajano ser América era determinante pra eles quererem a transmissão. Isso é fato.

Mas o Romário já deve ter sido determinante pra colocarem no Sportv. Deve ter rolado uma aproximação via Unimed (que é anunciante do canal...). E acabou que colocaram os jogos do América no Maracanã pra viabilizar as transmissões, porque isso cortava custos (eles já teriam equipe no Maracanã mesmo nestes dias, por conta dos jogos do Brasileiro).

Eu vi um pedaço do jogo ontem, tinha até bastante gente lá. E pessoas jovens, inclusive! Ia ser maneiro se o América realmente voltasse a ter um time razoável.

Max disse...

Porra André, o Trajano,a ESPN e o America na merda estão aí, nessa conjuntura, há anos...nada aconteceu.

O que mudou dessa vez a ponto de justificar televisionamento, ao contrário dos outros anos?

Num ferra...