Alguma coisa deu errado

"A equipe do Flamengo realizará uma avaliação física visando à seqüência de
jogos que o time fará no próximo mês. Os jogadores foram divididos em dois
grupos, e a avaliação será comandada pelo preparador físico, Ronaldo Torres. A
comissão técnica rubro-negra está preocupada com a maratona de jogos que as
equipes brasileiras irão fazer entre o mês de julho e agosto. O técnico Caio Jr.
avisou que essa seqüência será fundamental para definir quais times entraram na
briga pelo título da competição. "Vão ser muitos jogos seguidos, é a hora de
mostrar quem é quem. A equipe que não se preparar e não estiver bem fisicamente
vai ficar para trás. Não queremos ser atropelados por problemas físicos. Temos
que trabalhar sempre forte", disse."

A notícia acima saiu em vários jornais antes da partida contra o Ipatinga. Caio Júnior havia prestado atenção na tabela, viu que começaria a sequência de dois jogos por semana e anunciou que estava preparando o time pra isso. Era animador ler sobre esse tipo de planejamento na Gávea.

Mas, de lá pra cá, o Flamengo já perdeu por contusão durante jogos Angelim, Léo Moura, Toró e Kléberson. Os dois últimos continuarão de fora no domingo - só devem voltar no outro fim de semana.

O que está acontecendo?

3 comentários:

KID disse...

Apesar de não entender nada de medicina desportiva, eu entendo que lesão, em nada tem a ver com preparação física.Lesão se adquire quando se toma uma pancada.
SRN

Flora disse...

É, tá estranho mesmo.
Acho que a avaliação nao foi tao bem feita assim.
Qualquer avaliação que disse que o jonathas esta "um pouco abaixo" dos demais jogadores não pode estar certa. Ele esta muitooo abaixo.

O jogo contra o coxa foi pra mim a confirmação de um fato que ja tinha percebido no jogo contra o vasco (nunca entendi quando mta gente falava que esse tinha sido nosso melhor jogo no ano. taticamente ate pode ter sido. mas um time que praticamente nao teve chance nenhuma de gol - alem de dois gols doados - nao pode ter nessa a sua melhor partida, mas ok).

O renato augusto vai fazer muita falta.
Mesmo ele tendo jogado pouco, os jogos que ele jogou nesse brasileiro foram os melhores do Flamengo.
Ok, tinha que vender? Que se vendesse.
Mas dizer que não vai fazer falta, ou o ibson (que ganhdo não jogou foi substituido a altura) é mtooo mais importante como muita gente falou eu não concordo não.

Todo mundo disse que tudo bem, ele vive machucado mesmo, pode vender.

Mas a coisa não é tão simples. Ele era nosso UNICO meia. E tava jogando bem, o que é pior. Se ele ia se machucar demais, ou jogar mal ninguem sabe.
So sei que jogando so com volates de novo não temos criatividade.
Mas mesmo assim da pra ganhar. So fica mais dificil. Se ganhamos na época do joel, da pra ganhar agora. Pelo menos eu torço que seja assim.

Enfim, isso é uma preocupação, mas não o fim do mundo.
Perder é normal. E no meu caso o jogo contra o coritiba não foi a origem da minha preocupação. So foi a confirmação.

André Monnerat disse...

Kid, não é bem assim não. Lesão muscular tem muito a ver com preparação física e muitas vezes acontece sem pancada nenhuma. O Toró mesmo, contra o São Paulo, saiu num lance em que não foi atingido por ninguém. E, mesmo por pancada, quando o jogador não está com os músculos em dia, fica bem mais suscetível a lesões.

Flora: eu comentei exatamente isso, tanto depois do jogo com o Vasco quanto depois do Coritiba. Contra o Vasco, o Flamengo controlou o jogo, mas não criou nada e só ganhou porque o Vasco entregou dois gols.

E falei também quando o Renato Augusto saiu que era das piores perdas que a gente poderia ter. Acho também que ele era mais importante do que o Íbson. Enfim, vamos ver se a diretoria vai mesmo trazer alguém pro lugar. Mas que tá fazendo falta, está.