Taça Rio - 4a. rodada - Cabofriense 0 x 0 Flamengo

Atuação ruim do Flamengo irritou até Luxemburgo, que deu esporro em todo mundo dentro de campo. Não adiantou muito.


* * * * * * * * * *

Sem Ronaldinho e Thiago Neves, Luxemburgo armou o Flamengo num 4-4-2 mais claro de se observar. No meio-campo, Maldonado ficou bem fixo atrás, com Willians e Renato avançando um por cada lado e Bottinelli, mais centralizado, encostando nos atacantes. Wanderley era o centro-avante e Negueba lhe fazia companhia na frente, jogando pelos dois lados do campo.

Só que Renato continuou burocrático como sempre, Willians mostrou a habitual falta de jeito para atacar (e danou que as três boas chances de chutar a gol que o time teve no primeiro tempo caírem em seus pés - desperdiçou todas, lamentavalmente) e Bottinelli não criou nada de útil. Wanderley teve dificuldades para dar sequência às jogadas em que deveria fazer o pivô e Negueba, mais uma vez, decepcionou ao iniciar uma partida.

A intenção das substituições no intervalo era até boa - especialmente a de Fierro no lugar de Maldonado, fixando Willians atrás, onde atrapalha menos o time quando a bola passa por seus pés. Insistiu em colocar Diego Maurício pra jogar aberto, e não como centro-avante, onde o time teria mais a ganhar com sua presença, mas beleza - mesmo assim, ele conseguiu as duas melhores conclusões do time no jogo, com duas bolas na trave, uma delas em defesa milagrosa do goleiro.

O que não fez nenhum sentido mesmo foi a saída de Bottinelli para a entrada de Deivid. O argentino não vinha jogando bem, mas a entrada de mais um centro-avante em campo deixou o time com um esquema ofensivo que simplesmente não deu pra entender. Deivid não acrescentou nada ao time e ainda deu um tremendo azar na chance de gol que teve: um zagueiro do Cabofriense desviou a bola de maneira quase imperceptível para a torcida, mas que prejudicou sua cabeçada na hora H. A impressão que ficou pra quem assistia, sem o replay que pegou o toque de cabeça do zagueiro, foi de um erro bisonho na conclusão.

Enfim: joguinho que não valia muito, com o time sem seus principais jogadores, estádio vazio, Luxemburgo dizendo que faltou vontade e dando esporro dentro de campo - ninguém jogou bem mesmo, essa é que é a verdade. Azar de quem assistiu.

20/3/2011 - 16h - Cabofriense 0 x 0 Flamengo
Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo - Macaé, RJ

Árbitro: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Auxiliares: Lilian Fernandes Bruno (RJ) e Andréa Marcelino de Sá (RJ)
Cartões amarelos: Everton, Luciano Totó, Léo Itaperuna, Assumpção e Allan (CAB); Léo Moura, Welinton, David Braz, Egídio, Fierro, Renato, Bottinelli e Willians (FLA)

Cabofriense: Flávio, Arílson, Zé Carlos, André Paulino e Everton; Marcelo Cardoso, Luciano Totó, Zotti (Jajá 35'/2ºT), Diego Sales (Café 17'/2ºT); Léo Itaperuna e Assumpção (Allan 28'/2ºT) - Técnico: Lucho Nizzo.

Flamengo: Felipe, Léo Moura, Welinton, David Braz e Egídio; Maldonado (Fierro - Intervalo), Willians, Bottinelli (Deivid 14'/2ºT) e Renato; Negueba (Diego Maurício - Intervalo) e Wanderley - Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

3 comentários:

Valente Filho disse...

A hora de mudar o time definitivamente chegou!
Sem Willians "ganha-perde" e Renato canelada seria a hora de testar o time com Fierro ou Léo Moura no meio e Galhardo na lateral.
Poderia ser a solução. Tentaria assim:

---------------Felipe------------
Galhardo--Wellington-David--Egídio
-------------Maldonado-----------
------Léo Moura-----Thiago Neves--
-----------Ronaldinho------------
------Vanderlei------Diego Maurício

ou

---------------Felipe------------
Galhardo--Wellington-David--Egídio
------Muralha------Maldonado------
ou Fierro
Léo Moura----Ronaldinho---Thiago Neves
-----------Diego Maurício---------

Luis disse...

Sem Ronaldinho e Thiago neves, esse time é tão ruim quanto ou até pior do que quando (algumas vezes nos últimos anos...) tivemos perto do rebaixamento. Que Deus dê saúde aos dois e cabeça no lugar, para que não tenham cartões!!!!!! Para piorar, o Luxemburgo está dando uma aula de como não escalar um banco ou substituir durante um jogo!!!!!!

JEFF disse...

Luxa errou na escalação e nas substituições. DM deveria ter entrado de início e não o Negueba.

Renato, não dá e deveria ter sido ele e não o Botti o substituído. Ficamos cheios de atacantes e sem ninguém para criar

Mesmo assim, não dá para entender minha timeline no twitter após o jogo. Parecia que estávamos em 2010 novamente.

Aliás, André, você acha que o Adriano já tumultuou o ambiente mesmo sem estar lá? Que não haverá paz enquanto o imperador não for contratado? O problema é se teremos paz depois.
Que São Judas Tadeu nos proteja de nós mesmos.

FLAmém
@IgrejaFlamengo
http://igrejaflamengo.blogspot.com